1) Como você se sentirá ao tomar posse como CEO da Sika no dia 1º de julho?

Não vejo a hora de ter o privilégio de liderar uma empresa extraordinária como a Sika, em conjunto a uma equipe de gerentes experientes, e estou confiante de que poderei continuar entregando os excelentes resultados dos últimos anos.

2) Você esteve envolvido na preparação da nova estratégia para 2020. Você vai focar em prioridades diferentes das que Jan Jenisch se concentrou até agora? Ou continuará exatamente com o caminho de implementação existente?

A nossa estratégia de implementação alcançou até o momento resultados excelentes. Nós redefinimos e aumentamos os objetivos estratégicos para 2020 no começo deste ano. Estamos visando um crescimento anual de 6 a 8%, com uma melhoria contínua nas margens. No momento, não há motivos para alterar essa estratégia de crescimento bem -sucedida. No entanto, no nível operacional, devemos responder rapidamente às mudanças do mercado e implantar nossos recursos de forma adequada.

3) Qual é o maior desafio a ser enfrentado como CEO da Sika?

Com mais de 80 bilhões de francos suíços, nosso potencial de mercado é enorme, mas como líder de mercado, nossa participação global de mercado ainda é menor de 10%. Será importante aproveitar as oportunidades, buscar potencial para a Sika de maneira bem direcionada e continuar a crescer de forma rentável no futuro.

4) Já está definindo algum objetivo específico para você?

Além de obter sucesso nos negócios, vejo a enorme importância em manter e expandir a cultura da Sika. Nosso rápido crescimento nos permitiu promover um grande número de gerentes e acredito ser muito importante que mais pessoas se desenvolvam e se preparem para novas tarefas.

5) Tem sido possível manter o forte impulso de crescimento do primeiro trimestre nas últimas semanas e meses?

A Sika teve fortes avanços no primeiro trimestre, com 10,7% de crescimento. No entanto, deve-se ressaltar que os dias de trabalho extras em relação ao ano anterior tiveram um impacto positivo nesse sólido crescimento. No segundo semestre, não teremos o benefício desses dias de trabalho extras. Ainda assim, esperamos alcançar o crescimento das vendas de acordo com nossos objetivos.

6) Você irá manter os objetivos definidos para este ano?

Sim, para 2017, continuamos esperando um crescimento de 6 a 8% nas vendas, com um crescimento elevado nos resultados e no EBIT. Vamos publicar um novo número recorde de mais de 6 bilhões pela primeira vez.

7) O forte crescimento continuará em um futuro próximo, até depois de 2020?

Sim, como já mencionei, temos um grande potencial de mercado e vamos concentrar nossos esforços para desenvolver esse potencial.  

8) A luta para defender a oferta hostil da Schenker-Winkler Holding / Saint-Gobain está sendo conduzida, principalmente, pelo Conselho de Administração. Até onde você está envolvido e quanto do seu tempo ela vai consumir?

Montar uma defesa contra essa oferta de aquisição hostil é responsabilidade do Conselho de Administração. Os Diretores Corporativos, nossos 180 gerentes gerais e nossos mais de 17.000 funcionários estão concentrados nos negócios e estão alcançando bons resultados com comprometimento e experiência. Nossa tarefa também será encontrar uma boa solução para a família no momento certo.