E o Chile?

O Chile está situado ao longo da costa oeste da América do Sul. Ele se estende por aproximadamente 4.300 km da sua fronteira com o Peru até a ponta da América do Sul no Cabo Horn, um ponto a apenas cerca de 640 km norte da Antártica. Um paísl ongo e estreito, tem uma largura média de cerca de apenas 180km, com um mínimo de 15 km próximo a Puerto Natales. O Chile tem sido uma das economias de crescimento mais rápido da América Latina na última década. No entanto, a taxa de desemprego cresceu ligeiramente de 5,7 por cento em Julho de 2013 a 5,8 por cento em janeiro de 2016. Mas graças a reformas estruturais ambiciosas, o Chile manteve seu status como a referência Latino-Americana de progresso cujas políticas públicas criativas se tornaram modelos internacionais de bom governo. Nós queríamos formar nossas próprias conclusões e fomos até a capital, Santiago do Chile, para conversarc om o Gerente Geral da Sika Chile, Francisco Jimenez.

 

1. Quais são seus segredos pessoais paragerenciar uma equipe?

Quais são seus segredos pessoais para gerenciar uma equipe? É difícil tentar reduzir tudo a uma receita, mas, geralmente, eu diria que é importante estabelecer objetivos claros e focados, estar preparado para desistir de tarefas que não agregam valor, ser capaz de assumir uma quantia razoável de risco ao tomar decisões e, especialmente, estar pronto para solicitar ajuda ou simplesmente aceitar quando um problema não pode ser resolvido. Isso tudo é parte de liderar e gerenciar uma organização. Da mesma maneira, feedback e avaliação do que e como estamos fazendo é importante e necessário para criar um ambiente de confiança. Liderança requer constante reformulação, reposicionamento, nunca estando realmente satisfeito. Ao mesmo tempo, qualquer pessoa num papel de lideranç anão deveria nem tentar adivinhar as respostase  sim, sempre, buscar os consumidores em uma busca sistemática por essas respostas. Eu encorajo a conservação de uma atitude motivada e apaixonada.

 

2. Qual é a primeira coisa que te vem àmente quando pensa sobre trabalhar na Sika Chile?

Em primeiro lugar, ter uma marca reconhecida no mercado, ter os recursos e apoio para desenvolver iniciativas e propor melhorias, estar em um ambiente de trabalho amigável e desafiante e, por fim, ter a possibilidade de se desenvolver tanto pessoal quanto profissionalmente. A Sika é reconhecida como uma organização que responde aos desafios, especialmente entre pessoas no negócio de construção.

 

3. O Chile tem sido uma das economias de crescimento mais rápido da América Latina durante a última década. Mas o quadro econômico geral permaneceu razoavelmente sombrio no início de 2017, com queda de crescimento e a economia operando consideravelmentea baixo do potencial. Qual a sua perspectiva pessoal?

Os países passam por diferentes estágios de crescimento, mas a coisa realmente importante é a habilidade de corrigir e melhorar. Nesse sentido, nosso país demonstrou que está apto a se recuperar da adversidade, conforme evidenciado pelo terremoto de 2010, bem como sobrevivera diferentes ciclos econômicos. Não obstante, para atender às necessidades crescentes e ser bem sucedido em um ambiente turbulento e de saída, devemos nos focar em nossa missão, demonstrar responsabilidade e atingir resultados.

 

4. E o mercado de construção? Como exatamente o Chile lucra com a Sika?

Nosso país atingiu um forte nível de profissionalismo na indústria de construção e requer soluções que são cada vez mais duráveis e ecológicas. Grandes projetos nos setores de mineração, energia, construção, estradas e saúde forneceram ao Chile uma infraestrutura muito sólida.

No segmento residencial, o desafio é incorporar padrões mais exigentes de segurança contra terremotos, assim como criar novos materiais mais duráveis, leves e econômicos, o que abre grandes oportunidades para uma empresa como a nossa. Tudo isso demanda soluções práticas e conhecimento técnico.

 

5. Que visão de infraestrutura você tem para o país em termos de tornar a vida das pessoas mais fácil no futuro?

Nossa infraestrutura ainda exige investimento adicional, especialmente em melhoria de conexão de estradas e portos nas extremidades do Chile, incorporação de conceitos de sustentabilidade, exploração de condições naturais para desenvolver fontes de energia não convencionais (vento, radiação, marés, etc.) e preservar água, um recurso cada vez mais escasso.

 

6. Quais são os objetivos imediatos para aSika Chile?

Em primeiro lugar, nossa tarefa é defende rnossa liderança e mercado. A competição está se tornando mais forte e a chegada de novos participantes a torna mais desafiadora. Por outro lado, nosso objetivo imediato é entrar em novos mercados com trabalho iniciado para construir uma instalação acrílica e cresce ro negócio de argamassa. Para esse fim, estamos procurando alternativas no desenvolvimento de produtos e canais, nos permitindo expandir nossa gama e cobertura de produtos, enquanto mantemos um nível atraente de lucratividade.

Nosso segundo objetivo é gerar e acelerar alternativas mais eficazes para potenciais aquisições que nos permitirão expandir nossa base de operações tanto em termos de volume quanto alcance geográfico. Finalmente, devemos consolidar e expandir nossa presença no norte para aumentar nossa entrada e fazer melhor uso de nossos recursos no local Antofagasta.

 

7. Diversas paisagens se desdobram ao longo de 4.300 km enquanto a média do país é de apenas 175 km - uma terra de extremos, versatilidade e beleza. Isso se aproxima do que o Chile representa?

Não necessariamente, Embora o Chile seja reconhecido como uma faixa de terra longa e estreita, conta com um oceano invejável, mais de 5.000km de costa e uma cadeia de montanhas que, além de ser linda e desafiadora é rica em recursos naturais. Por outro lado, uma conexão de décadas e relacionamento com a Ásia está transformando o Chile na porta de entrada para a América Latina.

 

8. O que você, pessoalmente, aprecia mais a respeito da vida no Chile?

Eu acho que ser capaz de chegar às montanhas e ao oceano em só 2 horas é um privilégio. E a diversidade de paisagens, culturas, climas e costumes do Chile o tornam um país muito especial.

 

9. Quais ambições você espera para o seu país?

Nosso caminho de desenvolvimento até agora exigiu muita coragem e garra, mas agora temos que passar para o próximo estágio, em que os recursos humanos são muito importantes. Nesse sentido, o desafio é enorme porque precisamos ampliar nossa base de equipe de apoio com habilidades novas e diferentes, melhorar nossa produtividade, atingir objetivos mais ambiciosos como paíse ao mesmo tempo manter o que já construímos.

A pergunta é, o que precisamos fazer hoje para obter resultados. Planejamento não é um evento, é um processo contínuo de fortalecer o que realmente funciona e evitar o que não funciona, significa assumir riscos e tomar decisões em total ciência de seu potencial efeito, estabelecendo objetivos, avaliando desempenho e resultados através de feedback sistemático e realizando ajustes contínuos conforme as condições mudam.

Visite Sika Chile